fbpx

Hipnose para Desprogramar o Pânico

3.8
(4)
Síndrome do pânico, angústia e quadros elevados de ansiedade.

Conteúdo para assinantes

Sobre

Você gostaria de modificar progressivamente sua reação de pânico? E se o foco da sua mente te ajudasse a conseguir processar como lida com as situações e contextos os quais geravam pânico? Como seria desenvolver mais autoestima e segurança pessoal para lidar com contextos os quais propiciavam pânico?

Este programa tem como objetivo despertar, programar e otimizar padrões e recursos os quais constroem prosperidade, saúde e harmonia em suas melhores versões.

Características da Síndrome do Pânico

De acordo com o especialista Márcio Bernik, “…síndrome do pânico se caracteriza por crises absolutamente inesperadas de medo e desespero. A pessoa tem a impressão de que vai morrer naquele momento de um ataque cardíaco, porque o coração dispara, sente falta de ar e tem sudorese abundante.

Quem padece de síndrome do pânico sofre durante as crises e ainda mais nos intervalos entre uma e outra, pois não faz a menor ideia de quando elas ocorrerão novamente, se dali a cinco minutos, cinco dias ou cinco meses. Isso traz tamanha insegurança que a qualidade de vida do paciente fica seriamente comprometida.

…As sensações físicas da ansiedade são uma reação normal, por exemplo, caso a pessoa tenha fobia de lagartixa ou de falar em público e se veja diante de uma dessas situações. O que caracteriza o pânico é a forma abrupta e inesperada que os sintomas aparecem e o fato de a crise atingir o ápice em dez minutos. Na verdade, bastam 30 segundos para o paciente, que estava se sentindo bem, ser tomado inexplicavelmente por sintomas que, de certa forma, todos conhecemos: boca seca, tremores, taquicardia, falta de ar, mal-estar na barriga ou no peito, sufocamento, tonturas. Muitas vezes, tudo isso vem acompanhado da sensação de que algo trágico, como morte súbita ou enlouquecimento, está por acontecer”.

Tenha mais autoestima e segurança para lidar com contextos os quais propiciavam pânico!

Leia Mais

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email

Valorizamos a sua privacidade

Nós acessamos e armazenamos dados em seu dispositivo para personalizar, medir e oferecer conteúdo e anúncios, analisar o uso e melhorar a sua experiência. Para obter mais informações, consulte a nossa Política de Privacidade.